Você está aqui
Home > TESTE DRIVE > Renault Captur Intense, bonito, sedutor e completo

Renault Captur Intense, bonito, sedutor e completo

Renault CAPTUR XTRONIC CVT. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

Versão integra conectividade e bom pacote de segurança

Atire a primeira pedra quem nunca ficou paralisada de emoção em frente a uma vitrine de sapatos e disse: eu quero aquele! A cor, o design, o tamanho do salto, tudo perfeito para abrirmos a carteira sem pestanejar e passarmos o cartão.  Isso acontece com sapatos, perfumes, itens do vestuário, joias, e tudo o mais que nos fizer sentir maravilhosas e  exclusivas. Com carros não é diferente. Só de imaginar em dirigir aquele carro dos sonhos, nos sentimos incrivelmente especiais.

Como sabemos, nada disso é uma coincidência e tudo foi pensado para nos fisgar sem ter para onde fugirmos. No setor automotivo, onde existe uma acirrada competição entre as marcas, não é diferente. A montadora  que conseguir chegar ao coração e à mente do maior número de consumidores está com meio caminho andado em direção ao sucesso.

Com certeza, O SUV Captur, da Renault, está incluso na lista dos carros lançados nos últimos anos que mais despertaram a atenção e admiração. No mundo dos SUVs, onde a lei é ser grande e forte, sobressai aquele que consegue ser também bonito, elegante  e até sensual. Mas, como ser apenas belo e desejável não basta para uma relação duradoura, o Portal Auto Mulher testou o Captur 2019, na versão Intense, e revela o que ele traz de interessante em seu conteúdo.

Produzido no Complexo Ayrton Senna, no Paraná, onde fica a fábrica da Renault, o Captur foi lançado em 2017 em apenas duas versões, a manual Captur Zen 1.6 Ce  e automática Captur Intense 2.0 de 4 marchas. As versões equipadas com a transmissão X-Tronic CVT, com seis marchas, presente na maioria de seus concorrentes, chegaram este ano.   São elas a Zen 1.6 (câmbio manual ou automático Xtronic CVT), Intense 1.6 CVT, testada pelo Portal Auto Mulher, Intense 2.0 AT a R$ 93.390. Os preços variam entre R$ 82.990 e R$ 98.990, dependendo da configuração. Há também uma versão Life 1.6 CVT, destinado ao público PcD, com isenções específicas de impostos.

O Captur se saiu muito bem na nossa avaliação. Possui interior confortável, com amplo espaço para motorista e passageiro. O campo de visão do motorista é ampliado graças à posição elevada da direção e a área envidraçada, considerada uma das maiores do segmento.  Acomoda bem até 5 passageiros. Os bancos possuem bidensidade no formato concha, proporcionando boa ergonomia. Oferece  um total de 12 porta-objetos localizados nos painéis das portas, console central, painel de bordo e porta-luvas. O porta-malas é generoso, de 437 litros.

Renault CAPTUR XTRONIC CVT. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

A versão Intense conta com central multimídia, a Media Nav, exclusiva da Renault, traz tela touchscreen de 7”,  GPS integrado (mas sem entrada para Android Auto e Apple Play Car), bluetooth, camêra de ré, programas para medir e gerenciar a forma de dirigir mais econômica e menos poluente.

O carro é ligado com a presença da chave cartão no seu interior, e a abertura do porta-malas apenas com a aproximação da chave. Os retrovisores, elétricos, são rebatíveis. A versão Intense também possui apoio para o braço do motorista. Oferece ar-condicionado, velocímetro digital e vidros elétricos nas quatro portas.

O Captur oferece um bom pacote de sistemas de segurança: o controle eletrônico de estabilidade (maior segurança em curvas), controle  eletrônico de tração (proporciona maior aderência em diferentes tipos de superfície). Luzes diurnas de LED e de conversão, integradas aos faróis de neblina dianteiros e acionadas automaticamente ao girar o volante. Integra freios ABS, auxílio de frenagem de emergência e distribuição eletrônica de frenagem. Outro recurso de segurança é o assistente de rampas que freia o carro por até 2 segundos quando a inclinação é superior a 3º. Além da câmera, também possui sensores de ré.

Conta ainda com 4 airbags, localizados na frente e nas laterais, e sistema Isofix para fixação de 2 cadeirinhas infantis.

O Renault Captur 1.6 CVT tem consumo urbano de 7,6 km/l etanol / 10,9 km/l gasolina e e rodoviário de 8,0 km/l etanol / 11,3 km/l gasolina. Já o 2.0 faz 6,2 km/l etano /8,8 km/l gasolina na cidade e 7,3 km/l etanol /10,8 km/l gasolina nas estradas.

 

Conheça as redes sociais do Portal Auto Mulher

Instagram: @portalautomulher

Facebook:: www.facebook.com/portalautomulher/

Deixe uma resposta

Top