Você está aqui
Home > FIQUE POR DENTRO > Cuidados ao dirigir com chuva e em alagamentos

Cuidados ao dirigir com chuva e em alagamentos

Usar a primeira marcha é uma das dicas

Fortes chuvas, temporais e alagamentos no verão são frequentes. A recomendação é sempre não trafegar nas ruas durante um temporal, mas se a enchente começar no meio do caminho, algumas dicas podem ser essenciais para evitar danos no carro e não colocar a vida em rico.

O engenheiro mecânico Francisco Satkunas, conselheiro da SAE Brasil (Sociedade Engenheiros da Mobilidade), dá algumas dicas.

– Cuidado com o uso do pisca-alerta! É comum que os motoristas liguem as luzes de emergência em situações de pouca visibilidade e tráfego lento. No entanto, a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) explica que o pisca só deve ser acionado com o veículo parado, em uma área segura.

– Se a pista já estiver alagada, observe os outros carros para ter uma noção da profundidade. É possível atravessar sem danificar o assoalho se o nível da água estiver na altura da metade da roda.

– É importante ter cuidado com buracos e galhos de árvore que podem estar escondidos debaixo da água, e ainda com objetos e detritos que podem furar os pneus.

– Antes de acelerar, preste atenção se não há outro carro vindo na direção contrária para evitar ser atingido por uma onda. A velocidade ideal para passar por um alagamento transitável é de 15 a 20 km/h em um ritmo constante. Em carros manuais, use apenas a primeira marcha e procure manter a rotação entre 2.500 e 3.000 rpm.

– Se o motor “morrer” no meio do caminho, não tente ligar o carro novamente. A água pode entrar e estourar o motor com a partida, causando danos bem maiores. Nesse caso, saia do veículo e aguarde a chegada de um guincho para movê-lo. Também é bom alertar o mecânico que o carro “morreu” entrando na água. Assim, ele pode fazer o procedimento de retirar as velas, o que já “salva” o motor.

Andreia Paterniani, diretora da área de Sinistros da Sompo Seguros completa:

-Não enfrente a enchente. Essa é uma atitude que pode colocar a vida em risco.

-Se o nível de água estiver abaixo da metade da roda, procure acessar uma via próxima, sem avançar mais ainda na via alagada.

– Caso seja apanhado pela enchente, abandone o carro, no máximo, quando a água atinjir a altura do batente. A partir desse nível, o veículo pode começar a boiar e ser facilmente arrastado.

-Não enfrente a enchente. Essa é uma atitude que pode colocar a vida em risco.

Conheça as redes sociais do Portal Auto Mulher

Instagram: @portalautomulher

Deixe uma resposta

Top